fecha

Enoturismo espanhol cresceu 3,4% em 2018 , 28/09/18

Enoturista gasta cerca de 162 euros por dia na Espanha, ante os 156,9 euros de 2017, conforme estudos ACEVIN- Associações Espanhola de Cidades de Vinho. Dentre outros dados interessantes, destacam-se: aumento na procura de alojamento rural, aumento das viagens em família e o predomínio da reservas por internet. O estudo visa mapear as intalações visitadas, as formas de acesso a elas, o perfil, a motivação e a satisfação dos turistas. Aumento das viagens Coletivas Embora o trekker ainda seja muito praticado no enoturismo, observou-se um grande aumento dos pernoites em família tanto com crianças quanto sem. Esse aumento ocorreu graças à mudança do perfil do visitante, de solitário para familiar. Permanência do eno turista Mesmo tendo aumentada a incidência de grupos e famílias, a permanência média ficou estável, variando de 2,54 em 2017 a 2,43 dias, em 2018. Essa constatação certamente aguçou as gestões de marketing e hoteleira pois abriu espaço para um bom crescimento, rumo à permanência média de 3 dias. Quanto ao tipo de hospedagem, os hoteis de 4 estrelas predominam mas o crescimento de hospedagens mais simples, mais perto do ambiente rural cresceu e já responde por cera de 19% do total, ocupando o segundo posto na modalidade de hospedagens. Mais da metade dos enoturistas, 53,5% chegaram ao destino fazendo reservas via internet e apenas 20,1% chegam ao hotel se ter reservado (esse [indice foi de 33,6% em 2017) Isso indica uma tendência de melhoria da preparação para a viagem e o uso de celulares, tablets e notebooks na consulta de preçso, disponibilidade e reserva do alojamento As atrações da viagem Sem dúvida, as visitas a vinícolas predominam amplamente na preferência dos enoturista, com 86,8%. A média de vinículas visitadas, de 1,94 é compativel com a média de permanência no hotel(2,43 dias) e indica que o enoturista visita cerca de 1 vinícola por viagem. A gastronomia do local e as degustações atraem 56,8% e 54,4% dos turistas. As próprias cidades do vinho, com sua arquitetura, história e cultura respondem por 48,8 % das preferências dos visitantes. Ante os 31,7% de 2017, foi a atração que mais cresceu; isso mostra que o vinho vem contribuindo para a valorização das cidades da Espanha e a evolução do turismo. De fato, 56,1% dos visitantes já tinham excursionado em outra Rota de Vinho Dentre as rotas visitadas, destacam-se Ribera del Duero (34,3%), Rias Baixas (30,6%), Rioja Alta (27,5%), Rioja Alavesa (26,5%), Navarra (25 , 3%) e El Bierzo (24,2%). Mulheres e iniciantes são os que mais viajam O nível de satisfação do enoturismo permanece muito alto: atinge 8,47 pontos em 10 (o ano passado foi de 8,39). Portanto, 99,6% recomendariam a viagem. sinalização turística e estradas e trilhas são os únicos aspectos que têm uma classificação inferior a 8, se tornando o negócio inacabado das empresas e entidades envolvidas no desenvolvimento do enoturismo. As mulheres predominam entre os visitantes com 55,3%. O maior grupo de visitantes são os com idades entre 45 e 65 anos, seguido pelo grupo de 35 a 45 anos Os iniciantes no mundo do vinho predominam com 68,1% enquanto os entusiastas e profissionais chegaram aos 25%



Mais novas ...

Vinhos menos alcoólicos, com as mesmas propriedades!, 15/08/19     [ler +]

Produção de vinho francês deve cair em 2019, 15/07/19     [ler +]

Cortes tradicionais podem mudar devido às ondas de calor, 05/07/19     [ler +]

Surpresas do Jura, 13/06/19     [ler +]

Tampa de rolha ou de rosca?, 10/06/19     [ler +]

Inglaterra, de importador a produtor, 05/06/19     [ler +]

Dia Nacional do Vinho, 18/05/19     [ler +]

Panorama Mundial do Vinho em 2018, 15/04/19     [ler +]

Conferência na Prowein sugere 3 tendências no mercado de vinho, 03/04/19     [ler +]

O que ocorre na fermentação selvagem no vinho?, 29/03/19     [ler +]

A indústria do Champagne deve muito ao monge Dom Pérignon e mais ainda à viúva Madame Clicquot, 15/03/19     [ler +]

Negócio do vinho na década se mantém relativamente estável , 05/03/19     [ler +]

Pesquisadores chilenos aplicam a nanotecnologia para desenvolver elementos microscópicos equipados com feromônios para combater pragas , 15/02/19     [ler +]

Balanço da OIV sobre a vitivinícultura mundial em Nov, 2018, 10/01/19     [ler +]

Importação de vinho à China deve crescer 8% em 2019, 05/01/19     [ler +]

Prosecco no encalço do Champagne, em valores., 03/01/19     [ler +]

Mundo do Vinho em Números de 2018, 10/12/18     [ler +]

OIV estima produção mundial de vinho em 282 Milhões de Hectolitros para 2018 , 02/11/18     [ler +]

Vinho em lata pode ser liberado na Argentina, para atuar no mercado da cerveja, 26/10/18     [ler +]

Produção e Exportação de vinhos nas Américas, 28/09/18     [ler +]

Enoturismo espanhol cresceu 3,4% em 2018 , 28/09/18     [ler +]

Vindima 2018 promissora na Puglia, Itália , 25/08/18     [ler +]

Roda de aromas ajuda na avaliação de vinhos, 20/08/18     [ler +]

Vinho tinto, rosê, branco ou . . . azul!!??, 13/08/18     [ler +]

As uvas viniferas mais plantadas no mundo , 30/06/18     [ler +]

Do que depende a qualidade da uva e do vinho?, 26/06/18     [ler +]

Vinho como aperitivo cresce na Espanha: novo espaço para enonegócios?, 25/06/18     [ler +]

Lançados Congresso e Feira da São Paulo International Wine Trade Fair, 21/06/18     [ler +]

Consumo de vinho total e per capita em 2017 , 06/06/18     [ler +]

Geórgia reivindica pioneirismo na vinicultura mundial , 29/05/18     [ler +]

Brasil cresce 161% mas produção mundial de vinhos decresce 8% em 2017 , 29/05/18     [ler +]

Exportação vinícola brasileira cresceu 44% no início de 2018, 28/05/18     [ler +]

Importação de vinho à China deve crescer 8% em 2109, 19/01/05     [ler +]